Sou colaborador

Área restrita aos colaboradores Cummins.

Ops!

Ocorreu um erro ao enviar a senha para o e-mail:

Senha enviada!

A sua senha foi enviada para o e-mail:

Ops!

A senha não confere.

Ops!

WWID não encontrada.

Login realizado!

Aguarde, iremos te redirecionar
para a página inicial.

30/03/2022

A força do motor Cummins® de 6,7 litros na Ram 3500

Time brasileiro de engenharia teve participação ativa no desenvolvimento da nova versão que equipa a picape mais potente e com as maiores capacidades de carga e de reboque no País.

Em nova versão que traz 12 cv a mais em relação à que equipa a Ram 2500, o propulsor Cummins de 6,7 litros da Ram 3500, que acaba de desembarcar no mercado brasileiro, gera 377 cv a 2.800 rpm, a maior potência entre todas as picapes a diesel disponíveis no País. Essa verdadeira usina de força, como definiu a própria Ram 3500 ao apresentar o modelo, traz número recorde de torque no segmento, de 1.150 Nm a 1.700 rpm, 65 Nm a mais do que a Ram 2500.

Desenvolvido nos Estados Unidos com participação do time de engenharia brasileiro, a nova versão do motor Cummins turbo diesel de 6,7 litros, com 6 cilindros em linha, coroa a Ram 3500 também como a picape com as maiores capacidades de reboque e de carga no País.

Fábio Antoniazzi Prior, engenheiro de Aplicações da Cummins Brasil, explica que ajustes na injeção e em alguns componentes do motor permitiram o aumento da potência e do torque, em relação à Ram 2500, sem comprometimento da durabilidade.

Novas tecnologias

Entre as novas tecnologias, Prior destaca a adoção do sistema SCR (Selective Catalytic Reduction), que utiliza o Arla 32 para tratar os gases de exaustão e reduzir a emissão de poluentes, aliviando o uso do sistema EGR de forma que a combustão do motor seja mais eficiente e os gases da combustão sejam tratados também por meio do pós tratamento, não somente dentro da câmara de combustão.

“O bypass do EGR permite uma melhor retomada em condições transientes devido à perda de carga do EGR cooler, uma vez que este sistema desvia o gás, oferecendo mais agilidade na admissão de ar, o que na prática reduz o tempo do resposta do motor”, explica o engenheiro.

Assim como a versão do motor Cummins 6,7 litros utilizado na Ram 2500, a que equipa a nova picape da marca estadunidense tem bloco de ferro fundido vermicular, que propicia maior resistência estrutural e menores níveis de ruído, vibração e aspereza (tríade também conhecida pela sigla inglesa NVH), além de reduzir o peso total do conjunto.

Características do motor

Pelas características do motor, a Ram 3500 deve consumir exclusivamente diesel S10. “Esse combustível garante ao veículo melhor performance, mais robustez e durabilidade, sem comprometimento de eficiência, consumo e emissões”, esclarece Prior.

O executivo também comenta sobre a intercambialidade de peças da nova versão do Cummins 6,7 litros que equipa a Ram 3500 com a da Ram 2500, incluindo itens como bloco, pistão, virabrequim, entre outros, o que otimiza o processo de manutenção nas concessionárias.

Graças ao novo motor, a capacidade de carga da Ram 3500 é de até 1.752 kg e a de reboque chega a 9.021 kg. São números muito à frente de qualquer outra picape vendida no Brasil, até mesmo a Ram 2500, que pode carregar 1.088 kg e rebocar 7.861 kg (respectivamente 664 kg e 1.160 kg a menos). Toda a capacidade da nova picape é assistida com o limitador de marchas, controle eletrônico do freio do reboque, além do Diesel Exhaust Brake (freio motor no cabeçote) e função Tow/Haul (controle de tração, quando o veículo opera com reboque).

Comente aqui para nós o que achou desse novo modelo, demais né? Aproveita para compartilhar também nas suas redes sociais. 😀

3 comentários

Bruna Saud disse:

Adoreeei!

Marcelo Cosentino’ disse:

👏👏👏

Marcelo Cosentino’ disse:

👏